Menu topo

Arquivo por Tag: Saúde

Amanhã os três Hospitais Universitários do Rio Grande do Norte estarão realizando mutirão de cirurgias e atendimento a população. A ação faz para do evento idealizado pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares.

ebserhMutirão da Rede Ebserh fará mais de três mil atendimentos em todo o Brasil; 445 só no RN
Objetivo é reduzir fila de espera dos hospitais universitários federais e do SUS

A Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares [Ebserh] realizará, hoje, quarta-feira, 30 de novembro, o I Mutirão Nacional da sua Rede de Hospitais Universitários Federais, para atender pacientes com a realização de cirurgias, exames e consultas. A iniciativa contará com ações para mais de três mil pessoas nos 39 hospitais filiados, presentes nas cinco regiões do Brasil.

A expectativa do evento é diminuir em cerca de 32% a fila de espera dos hospitais e do Sistema Único de Saúde [SUS] em especialidades pontualmente escolhidas e de acordo com o perfil de cada instituição participante, levando em conta as carências locais.

No Rio Grande do Norte, os três hospitais universitários da UFRN estarão envolvidos na ação, o Hospital Universitário Onofre Lopes [HUOL] e a Maternidade Escola Januário Cicco [MEJC] realizarão em um único dia 25 cirurgias urológicas e 20 cirurgias de retirada de nódulos mamários, respectivamente, e o Hospital Universitário Ana Bezerra [HUAB], localizado na cidade de Santa Cruz, ofertará 400 atendimentos para os municípios do interior, entre mamografias, ultrassonografias, exames de PSA e cirurgias de ligadura de trompas.

As unidades geridas pela Ebserh no RN mobilizarão, simultaneamente e ao longo de 10 horas de trabalho ininterruptos, equipes de cirurgiões, anestesistas, enfermeiros, farmacêuticos, técnicos e outros profissionais de saúde.

O mutirão é uma oferta extra de serviços, fora da rotina normal das unidades, cujo funcionamento à população ocorrerá normal, no dia 30 de novembro.

Bastidores esquentam com olhos na divisão de cargos na nova composição da prefeitura de Macau à partir de 2017, com a gestão Túlio Lemos. Já espalhou-se nos quatro cantos da cidade que Rochelle Barros é a indicada para assumir a pasta da saúde no município.

Segundo informações de Periquito, Rochelle topa dirigir uma das principais, se não a mais importante pasta do governo, mas para isso ela condicionou as demais indicações dos principais cargos da secretaria.

Só há este impasse na pasta. Salvo o desejo do ex-candidato a vereador Irmão Wagner, que deseja ser o nome para assumir a saúde. Cabe a Túlio acatar ou não a condição de Rochelle. Já Irmão Wagner deverá se conformar com sua acomodação na direção do HAF, já lhe oferecida.

Nas ruas da cidade circulavam boatos de que a indicação de Rochelle teria sido do médico Dr. Eduardo Lemos, o que não se confirmou na sondagem do blog em contato com o mesmo.

Ao blog, Dr. Eduardo disse que não participou da indicação de Rochelle.

“Não participei da indicação de Rochelle, no entanto acho que é um bom nome e que tem muito a contribuir para Macau. Estarei pronto para ajudar, quando solicitado pelo Prefeito e/ou pela secretária”, Eduardo Lemos.

Este sabe muito de saúde.

No Dia Mundial do Diabetes, lembrado hoje [14], a Federação Internacional do Diabetes faz um alerta: um em cada dois adultos com a doença não está diagnosticado e, portanto, não tem ciência de sua condição e não toma os devidos cuidados.

O tema da campanha este ano é De olho no diabetes, com foco em promover a importância do rastreamento e garantir o diagnóstico precoce, o tratamento e a redução do risco de complicações mais sérias – sobretudo em casos de diabetes tipo 2.

Dados da entidade mostram que a doença segue crescendo em todo o mundo: ao todo, 415 milhões de adultos viviam com diabetes em 2015. A previsão é de que esse número chegue a 642 milhões em 2040 – uma proporção de um adulto diabético para cada dez adultos no planeta.

“Muitas pessoas vivem com diabetes tipo 2 por muito tempo sem que tenham ciência de sua condição. Quando recebem o diagnóstico, as complicações provocadas pela doença podem já estar presentes”, destaca a federação.

Os números mostram ainda que até 70% dos casos de diabetes tipo 2 podem ser prevenidos por meio da adoção de hábitos mais saudáveis. A quantia deve representar cerca de 160 milhões de pacientes até 2040.

“Diante de índices crescentes de subnutrição e de baixa atividade física entre crianças de diversos países, o diabetes tipo 2 na infância tem potencial para se tornar um problema de saúde pública global, provocando sérias consequências”, acrescenta a entidade.

Em diversas localidades do mundo, o diabetes figura como a principal causa de cegueira, doenças cardiovasculares, falência renal e amputação de membros inferiores.

saude_macauA secretaria municipal de Saúde, informa que nesta segunda-feira [19] Começa a campanha nacional de “multivacinação” que incluirá, pela primeira vez, todas as vacinas disponíveis pelo SUS para crianças de até 5 anos e para crianças e adolescentes entre 9 e 15 anos incompletos, incluindo a imunização contra HPV para meninas. O reforço de vacinação vai até o dia 30 de setembro.

Dia D

No próximo sábado [24] acontecerá o dia ‘D’ da campanha. As unidades de saúde estarão abertas para aqueles que não conseguirem levar seus filhos durante a semana. O atendimento ocorrerá das 8h às 17h.

As doses estarão disponíveis de forma gratuita no Sistema Único de Saúde – SUS, em qualquer posto de saúde de Macau. O objetivo principal da campanha é estimular que os pais levem os filhos para por em dia a carteira de vacinação.

papiO Hospital Papi anunciou reabertura para a próxima quinta-feira [8], a partir das 7h. Após crise financeira que acarretou a suspensão de seus serviços em maio passado, a unidade localizada no bairro de Petrópolis voltará a prestar atendimento, inicialmente, de urgência pediátrica e procedimentos cirúrgicos eletivos e clínicos de adultos, incluindo terapia intensiva.

O diretor executivo do Papi, Fernando Madruga, explicou que a volta do hospital ao mercado foi possível devido a um esforço coletivo extremo que contou com a colaboração do corpo diretivo, funcionários, fornecedores, parceiros e planos de saúde. O Papi atua há 42 anos em Natal.

Com o retorno o hospital passa a oferecer os serviços de Centro Cirúrgico, internações cirúrgicas e clínicas, Unidade de Tratamento Intensivo [UTI] Adulto, Pronto Socorro Infantil [PSI], cirurgias pediátricas, internações cirúrgicas e clínicas.

O Conselho Regional de Farmácia do Rio Grande do Norte [CRF-RN] realizou visita técnica à Unidade de Agentes Terapêuticos – Unicat, neste mês de agosto e diagnosticou situação caótica de desabastecimento da principal unidade de referência na Assistência Farmacêutica do Estado. O percentual de falta de produtos está em torno de 60%, em relação ao número de itens existentes na Unidade, responsável por viabilizar medicamentos e outros insumos de uso hospitalar às unidades de saúde do RN.

Itens básicos e essenciais como álcool, algodão, seringas, gaze e hipoclorito de sódio poderão ter estoques finalizados nos próximos dias.

A continuidade deste panorama degradante acarretará o desabastecimento total e o consequente aumento do índice de mortalidade nas Unidades de Saúde Hospitalares”.

O CRF-RN já enviou ofício ao Ministério Público pedindo apoio para que o órgão atue junto aos gestores da Saúde com objetivo de que sejam tomadas providências urgentes na regularização desta grave situação.

camaaaraA Câmara Municipal de Natal [CMN] aprovou, na tarde desta quinta-feira [10], uma regulamentação ao Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos dos profissionais da saúde, reduzindo a jornada de trabalho dos enfermeiros na rede pública de Natal. Com o projeto de lei complementar Nº 23/2015, a carga horária dos profissionais vai passar de 40 para 30 horas semanais. A matéria foi aprovada em segunda votação, em consenso com o Executivo.

De acordo com o líder do governo na Câmara, Raniere Barbosa [PDT], a redução da jornada ocorrerá sem perdas salariais e já havia sido acordada entre o Sindicato da Saúde e a Prefeitura de Natal.

“Essa regulamentação da jornada de trabalho dos enfermeiros é uma luta antiga do movimento sindical e hoje a Câmara está fazendo um grande trabalho, aprovando a redução sem perdas salariais. Votamos a matéria em primeira discussão no final do ano passado e garantimos que a segunda votação teria prioridade na pauta, após concluirmos a apreciação ao Plano Municipal de Educação”, afirmou Raniere.

A proposta fixará em 30 horas a carga de trabalho semanal não só dos enfermeiros, mas também de técnicos e auxiliares de enfermagem. A intenção é garantir a essas categorias o mesmo benefício já concedido aos fisioterapeutas e terapeutas ocupacionais em todo o país.

Em votação da Lei Orçamentária Anual para 2016, a Câmara Municipal aprovou no ano passado, também de forma consensual, uma emenda da vereadora Amanda Gurgel [PSTU] reservando R$ 875 mil para garantir a redução da carga horária desses profissionais, sem a atual perda de 25% nos salários.

“Essa é uma importante vitória para todos os profissionais da área da enfermagem. Fico muito feliz em saber que nosso mandato conseguiu contribuir para essa conquista”, destacou a parlamentar.

rafael_Motta

A Comissão de Turismo da Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (16) o Projeto de Lei nº 5.542/2013, que torna obrigatória a aquisição de seguro-saúde pelos estrangeiros que ingressarem no Brasil. A proposta tem como relator o deputado federal Rafael Motta [PSB], e é de autoria do deputado federal Luiz Mandetta [DEM-MS].

A matéria é importante para que os visitantes estrangeiros não concorram com a população brasileira pelos escassos recursos do sistema público de saúde, principalmente,e em períodos de eventos internacionais no País, como Olimpíadas e Copa do Mundo.

A medida já existe em países da Europa e da América Central e tem a finalidade de resguardar o Sistema Único de Saúde [SUS] dos custos associados ao atendimento de emergência a estrangeiros, durante a permanência em território brasileiro.

“Com esse projeto, os turistas estrangeiros deverão estar acobertados pelo sistema privado e não pelo sistema público de saúde, o que acabará beneficiando os usuários do SUS. Devemos estar atentos, pois 2016 será um ano Olímpico, onde muitos estrangeiros estarão no País e não podemos deixar que isso prejudique o atendimento no sistema público de saúde”, ressaltou Rafael Motta.

seminario_microcefalia

O número de casos suspeitos  de microcefalia aumentou para 106. Este é o registrados no Rio Grande do Norte. O Estado é o quarto em número de casos e está em primeiro em mortes de bebês pela má formação e suspeita de infecção pelo vírus Zika, com sete óbitos, segundo o Informe Epidemiológico sobre Microcefalia, divulgado ontem, dia 8, pelo Ministério da Saúde. Os casos ainda estão em investigação para confirmar a causa dos óbitos.

Em todo o Brasil, até o dia 5 de dezembro, foram registrados 1.761 casos suspeitos de microcefalia e 19 óbitos, em 422 municípios de 14 estados. Pernambuco apresenta o maior número de casos, com 804 registros, seguido pela Paraíba com 316, Bahia [180] e o Rio Grande do Norte. As mortes foram registradas no Rio Grande do Norte (7) e nos estados de Sergipe [4], Rio de Janeiro [2], Bahia [2], Maranhão [1], Ceará [1], Paraíba [1] e Piauí [1].

Em meio ao surto de casos, a Secretaria Estadual de Saúde Pública divulgou ontem [8], nota técnica orientando os profissionais que atuam na rede de atenção básica sobre o reforço nos cuidados com gestantes e o recém-nascido e chamando a atenção para a vigilância dos fatores de risco sanitários e associados à gravidez [veja ao lado].

mamografia

A Assembleia Legislativa começa nesta terça-feira [24] a entrega de mais de 300 laudos das mamografias realizadas durante a campanha do Outubro Rosa através de convênio com o Grupo Reviver. A partir de hoje, a equipe médica da Assembleia Cidadã vai receber e encaminhar as mulheres que precisarão de outros exames.

A médica da Assembleia Cidadã, Margareth Vilar, avaliou positivamente o mutirão que realizou 328 mamografias gratuitas.

“Esse trabalho foi muito importante por ter ajudado a identificar a possibilidade de câncer em estágio inicial. Com isso as mulheres podem ser tratadas e as chances de sucesso são maiores”, destacou a médica Margareth Vilar.

Mesmo com o encerramento do Outubro Rosa, o Grupo Reviver, com o apoio da Assembleia Legislativa, decidiu ampliar o atendimento gratuito às mulheres na prevenção ao câncer de mama. Durante todo o mês de novembro, serão oferecidos exames de mamografia gratuitamente na unidade móvel da instituição. A unidade móvel está de 23 a 27 de novembro na Policlínica Sul de Neópolis.

Fechar